Nossas Notícias

« Ver todas as Notícias

SuperFrio divulga resultados significativos em sustentabilidade em 2020, e se posiciona na vanguarda da indústria de logística frigorificada com Prêmio GCCA de Excelência Energética

Os principais avanços em 2020 se concentraram em redução no consumo de água, energia e papel, além de menor geração de resíduos e maior plantio de árvores. Os 5 novos centros logísticos frigorificados que serão inaugurados no 1º semestre de 2021, serão operados com fluidos refrigerantes naturais, F-free

A SuperFrio, empresa controlada pelo Pátria Investimentos, líder na indústria de logística frigorificada na América do Sul, apresentou redução significativa no consumo de água, energia e papel no ano de 2020, dentre outros avanços como diminuição na geração de resíduos, aumento no plantio de árvores e projeto de novas unidades utilizando fluidos refrigerantes naturais.

Os primeiros resultados de grande impacto se concentram no consumo de água e energia, insumos estes fundamentais para o bom funcionamento do sistema de refrigeração de nossos armazéns. Comparando os anos de 2019 e 2020, houve redução de 2% no consumo de água e de 10% no consumo de energia nas unidades da SuperFrio. Isso representa 1,5 milhões de litros de água e 2,3 milhões de kwh economizados ao longo do último ano. O reconhecimento internacional pelos esforços da companhia ocorreu com a certificação e o Prêmio de Excelência Energética dados pela GCCA (Global Cold Chain Alliance) para a unidade de Vargem Grande do Sul/SP. Trata-se do primeiro e único armazém da América do Sul reconhecido pela entidade global da cadeia do frio.

Outro importante resultado se concentrou na redução de 40% no consumo de papel sulfite nas operações, com a implementação do sistema de WMS da Blue Yonder sustentada pela otimização dos processos realizados nos armazéns da companhia. “A utilização de uma única ferramenta de WMS parametrizada de forma exclusiva para cada um de nossos clientes e o treinamento constante das pessoas que executam as nossas Operações, são fundamentais para atingirmos a excelência operacional através da transformação digital”, afirma Fabio Silva, Diretor de Tecnologia da companhia.

A companhia também alcançou importantes resultados na destinação de resíduos e plantio de árvores. No ano de 2020, houve redução de 6% na destinação dos resíduos para aterros e aumento de 62% na reciclagem. Isso representou 20 toneladas de resíduos eliminados e 850 toneladas de reciclagem.

 O Dia da Árvore, celebrado no mês de setembro, mobilizou todos os colaboradores da empresa; segundo a Analista de Q&SSMA Beatriz Smidt Celere, “Realizamos o plantio de 67 mudas de árvores em todas as unidades SuperFrio, com diversas palestras sensibilizando sobre a importância das práticas sustentáveis”.

Para 2021, os objetivos de sustentabilidade da SuperFrio são ainda mais audaciosos. Segundo Francisco Moura, CEO da SuperFrio, “Inauguraremos 5 novos centros logísticos frigorificados no 1º semestre, todos Freon-free, utilizando somente fluidos refrigerantes naturais. Além disso, certificaremos mais armazéns no Programa de Excelência Energética da GCCA. As metas definidas para 2021 incluem também uma redução de no mínimo 5% nos consumos de energia e água, com relação ao 2020.”